A arte de saber ouvir

Data 03/12/2013

*Por Mariella Gallo

As corporações estão em um frenético movimento. Muitas transformações, decisões e ações são exigidas minuto a minuto. Com este cenário as pessoas escutam menos o que o outro tem a dizer e um clima de insegurança toma conta do ambiente organizacional, familiar e social.

A velocidade frenética em tomada de decisões propicia uma ansiedade que contribui para elevar a falta de atenção em escutar. Isso gera frustrações nas pessoas, porque ao serem interrompidas enquanto falam, sentem que o que elas têm a dizer é menos importante do que outro que interrompeu tem a falar. 

Esta dinâmica de interrupções contribui para elevar a improdutividade, o retrabalho e os conflitos nas relações interpessoais. O que percebemos é que o desempenho dos executivos e das relações interpessoais ganha excelência quando se pratica a arte de ouvir.

Saber ouvir, reproduzir a fala do próximo, fazer as perguntas certas e respeitar o tempo de reflexão são alguns dos sete itens utilizados por pessoas que contribuem para gerar um ambiente produtivo, seguro e com relações interpessoais saudáveis.

Leia com atenção e perceba se você pratica a arte de ouvir:

Os sete mandamentos para dominar a arte de ouvir são:

1. A sua boca está em movimento?

Se a sua boca está se movimentando você não está ouvindo. Não fale enquanto escuta.

2. Eles estão terminando a sentença?

Deixe-os terminar. Interromper ou incluir sua opinião antes que a pessoa termine a sentença demonstra que o que você tem a dizer é mais importante que o quê a pessoa tem a dizer e que você está julgando o pensamento do outro.

3. O que ele acabou de dizer?

Espere antes de falar. Pergunte a você mesmo, o que o outro acabou de dizer?
Utilize o W.A.I.T = why am I talking? (P. E. F. = Por que estou falando?)

4. Esta pergunta gerou reflexão?

Pergunte e depois espere. Uma boa pergunta pode levar em torno de 60 segundos para ser processada. Respeite o tempo de processamento e reflexão.

5. O que ocorre quando você recapitula com precisão?

Comece com: – “O que eu ouvi você dizer foi…” Diga exatamente o que o outro disse para você. Neste momento o outro sente, te percebe como se o entendesse e mergulha mais profundamente na conversa.

6. Quanto você está julgando a história a ponto de não escutar o que o outro está dizendo?

Julgar as pessoas e suas histórias interrompe a oportunidade de escutar com atenção. Revise seu pensamento e olhe para o outro abertamente. Pense: "Estou comprometido em apoiar o outro que tem qualidades e dificuldades, assim como eu?"

7. O silêncio o deixa confortável?

O silêncio constrói a energia necessária para transformar. Deixe o silêncio exercer seu poder. Pausas de silêncio são estratégicas antes de voltar a falar.

A arte de saber ouvir apresenta inúmeros benefícios: contribui para elevar a produtividade, diminui o retrabalho e aproxima as pessoas nas relações interpessoais. Que tal assumir este desafio por essa semana e sentir os efeitos?

*Mariella Gallo é Coach da Crescimentum. Atua como Coach há sete anos, tendo aproximadamente 3.500 horas de atendimento. É Senior Executive Coach formada pelo ICI Integrated Coaching Institute, certificada no The Inner Game School of Coaching, Los Angeles, CA com Tim Gallwey.

Compartilhe:

Comentários