Alma da Liderança

Data 14/07/2010

*Por Paulo Alvarenga

A palavra liderança é uma palavra grávida, tem vários significados. Desde os primórdios dos tempos a humanidade vivenciou exemplos de grandes líderes. Verdadeiros líderes do futuro no passado e, desde então, escutamos muita teoria sobre liderança, muitos conceitos e muitas receitas de bolo. Mas algo me chamou a atenção nessa abordagem do Deepak Chopra, que pude vivenciar em um de seus seminários intitulado “A Alma da Liderança” – O uso da inteligência Espiritual para a transformação pessoal e social.

Primeiro vamos entender o conceito de ALMA, segundo o autor:

  • Alma é um sistema vivo, dinâmico, em evolução na consciência;
  • Composto de significados, contextos, relacionamentos e assuntos arquétipos;
  • Modelado pela memória e pela experiência;
  • Impulsionado pelo desejo.

Agora o conceito de LÍDER:

  • É a alma simbólica de um grupo que age como catalisador da mudança e da transformação;
  • O grupo pode ser uma família, empresa, partido político, comunidade, nação, civilização ou qualquer outra organização.

Para um líder provocar a transformação pessoal e social, ele precisa desenvolver a sua inteligência espiritual, pois, quando a desenvolvemos, somos inspirados. Podemos resumir isso na célebre frase de Mahatma Gandhi “Seja você mesmo a mudança que você deseja ver no mundo”. Da transformação pessoal à social devemos:

  • Ser a mudança;
  • Marcar uma diferença;
  • Compartilhar a paixão.

Para começar a nossa transformação, devemos entender melhor as nossas intenções e, para isso, podemos fazer o seguinte exercício:

  • Pegue uma folha em branco e faça um pequeno círculo no centro dela. Escreva nesse círculo a resposta da seguinte pergunta: Por que eu quero ser um líder extraordinário?
  • A partir desse círculo, puxe 5 setas em diferentes direções e, para cada seta, faça um novo círculo. Escreva agora uma palavra em cada círculo. Essas palavras devem estar relacionadas com a sua resposta, por exemplo: Se a minha resposta for “Fazer a diferença na vida das pessoas”, as palavras poderiam ser: Paixão, Integridade, Simplicidade, Crenças, Atitude, etc;
  • A partir de cada palavra escrita, puxe mais 3 setas e faça um circulo no final de cada uma das setas;
  • Em cada um desses 3 novos círculos, escreva palavras relacionadas com a palavra que você escreveu no círculo que antecede essas 3 setas;

Dessa forma você fez um mapa mental com o significado da sua resposta, do que realmente é importante para você, e isso irá facilitar o seu processo de reflexão e auto-conhecimento para definir os seus objetivos.

Agora que você finalizou esse gráfico vamos fazer outro mapa mental, desta vez respondendo a seguinte pergunta: O que você quer alcançar como líder nos próximos 12 meses?

  • Pegue outra folha em branco e faça um pequeno círculo no centro dela. Escreva nesse círculo a resposta da pergunta acima;
  • A partir desse círculo, puxe 5 setas em diferentes direções e para cada seta faça um novo círculo. Escreva uma palavra em cada círculo. Essas palavras devem estar relacionadas com a sua resposta, nesse caso, o que você tem que fazer e ter para alcançar esse objetivo, por exemplo: controle, foco, disciplina, influência, etc;
  • A partir de cada palavra escrita, puxe mais 3 setas e faça um circulo no final de cada uma das setas;
  • Em cada um desses 3 novos círculos,escreva palavras relacionadas com a palavra que você escreveu no círculo que antecede essas 3 setas;

Já que você traçou o que realmente tem significado para você e o que você quer para os próximos 12 meses como líder, vamos conhecer algumas qualidades de líderes extraordinários, e fazer a seguinte reflexão:

  • O que você precisa continuar fazendo?
  • O que você precisa parar de fazer?
  • O que você precisa começar a fazer?

 QUALIDADES DE LÍDERES EXTRAORDINÁRIOS

Os líderes extraordinários desenvolvem algumas qualidades, são elas:

1. Dedicam tempo para fazer perguntas a si mesmos
Eles refletem…
Quem sou eu?
O que eu desejo?
Quem são as pessoas que eu lidero?
Quem eu lidero e o que eles desejam?

O líder extraordinário tem “Tempo para reflexão diária”

2. Auto-estima elevada. 
Além da auto-imagem, que é quando os líderes não se preocupam com o que as pessoas pensam sobre eles;

3. Acreditam no poder de suas intenções, eles sabem que podem materializar a sua visão;

4. São ótimos contadores de histórias que tem apelos às pessoas;

5. Quando lhes perguntam a razão do seu sucesso, eles respondem: 
Eu tive sorte ou eles são religiosos e dizem, “Deus estava ao meu lado ou muitas coincidências aconteceram em minha vida”;

6. São pessoas felizes, não dá para ser infeliz e ser um grande líder.

Essas qualidades fazem a diferença para os Líderes Extraordinários e geram satisfação. Conheço alguns líderes que realmente fazem a diferença e todos eles são pessoas felizes, aliás, existem algumas razões que geram a felicidade.

RAZÕES QUE GERAM FELICIDADE

Existem vários estudos que falam sobre Felicidade, mas será que existe algum segredo para ser feliz? – Eu sempre me perguntei isso.
 
Resultados de pesquisas apontam que existem 3 razões pelas quais as pessoas são felizes:

1. Ponto de estabilidade do cérebro, que significa o foco que colocamos quando analisamos algumas situações. Algumas pessoas enxergam problemas, outras enxergam oportunidades criativas, e isso está ligado com os modelos mentais que a pessoas têm;

2. Segurança Financeira;

3. Fazer os outros felizes, que significa contribuição, viver a sua missão. Muitas pessoas, mesmo sem definir a sua missão, a vivem;

Estamos cansados de ler em livros vários modelos e receitas de bolo para Liderança, devemos entender que a porta da mudança só pode ser aberta pelo lado de dentro e, para isso, é interessante criarmos um método para a transformação. Segue abaixo um esquema que pode nos auxiliar:

 

ESQUEMA DEFINITIVO PARA TRANSFORMAÇÃO 
 

L Liderar-se para olhar e escutar, estar mais próximo e presente da equipe
E Estreitar Laços Emocionais, foco em pessoas
A Ampliar a consciência de si mesmo e dos outros
D Desafiar-se a sonhar uma nova realidade e materializá-la
E Empowerment (Dar poder)
R Responsabilidade em assumir riscos e pelo desenvolvimento da equipe
S Sincronismo

Pensando nesse esquema podemos, a partir dos mapas mentais criados, começar a nossa transformação em líderes extraordinários. Para isso, é importante entendermos o perfil da nossa alma. Tente refletir sobre as perguntas abaixo:

  1. Qual a minha contribuição?
  2. Qual é o meu propósito?
  3. Como eu me sinto quando tenho uma experiência máxima?
  4. Quem são os meus heróis (história, mitologia, religião)?
  5. Quais são as qualidades que busco em um melhor amigo?
  6. Quais são os meus talentos e habilidades únicas?
  7. Quais são as melhores qualidades que se refletem em um relacionamento pessoal?

Permita-se sonhar. Não se preocupe em ser lógico, racional ou prático com relação ao fato de implementar estas idéias.

O Perfil da alma reflete os seus valores, a visão reflete as suas intenções mais profundas.

Em todo o momento o L.E.A.D.E.R. deve ser:

  • Centrado e alerta;
  • Intuitivo;
  • Criativo;
  • Ver o que é mais profundo e maior;
  • Encarnação de amor (Incluindo amor e compaixão sem recompensa/retorno, verdadeiramente para os outros)

O líder sempre leva o grupo a um novo nível de consciência, ampliando a visão sobre eles mesmos e o ambiente. Esse líder é imune a críticas e também a elogios, mesmo assim ele sabe receber feedbacks. Ele deve ter um sincronismo com o todo.

CHAVES PARA O SINCRONISMO

  • O mundo como uma extensão do eu;
    Se as coisas não derem certo, você não conserta o mundo, você conserta você 
    mesmo;
  • Espelho de relacionamentos;
    Concentrar-se nos relacionamentos e não no networking, que pode significar levar vantagem;
  • O papel do diálogo interno;
    Focar na qualidade dos pensamentos e modelos mentais para saber de onde vêm os diálogos internos positivos e negativos;
  • O poder da intenção;
    A intenção de criar qualquer coisa, para não deixar que o ego interfira, focar na meditação;
  • Liberdade Emocional;
  • Harmonização do feminino e masculino.
    Todas as lideranças do passado, sempre foram masculinas, a inteligência e não a 
    força é o modelo atual.

Cada vez mais que eu estudo o tema Liderança, percebo que a transformação do líder está totalmente na vontade, no querer fazer, na visão inspiradora de se tornar um ser humano melhor e não apenas em técnicas de liderança e regras encontradas em livros e apostilas. O líder que somos hoje é resultado das escolhas que fizemos no passado, e o líder que nos tornaremos no futuro é o resultado das escolhas que fazemos hoje.

E você, o quanto está contribuindo para o desenvolvimento das pessoas ao seu redor?

“Os líderes proporcionam lideranças de duas formas principais: Através das histórias que contam; e através do tipo de vida que levam.” Howard Gardner

 Sócio Diretor da Crescimentum, um dos autores do livro “Gigantes da Liderança”, Paulo Alvarenga é professor de pós-graduação e MBA em Gestão de Marketing na GAMA FILHO nos temas: Coaching, Liderança, Comunicação e PNL. Certificado em “Managing Energy”, Executive Course pelo Human Performance Institute, na Flórida, e em “Experience Management – Marketing & Sales, pela University of California.