Carteira de trabalho será digital até 2020

Data 05/01/2010

 

O ministro do Trabalho, Carlos Lupi, informou que o governo pretende substituir completamente o atual modelo da carteira de trabalho em papel para um formato digital até o ano de 2020.

Segundo o ministro, todos os trabalhadores terão um cartão digital que funcionará como um documento oficial para comprovação de registro trabalhista e consulta de saldo de FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço), abonos, PISPASEP e outros benefícios.

A versão digital do documento pretende, também, facilitar o trabalhador no momento da comprovação do tempo de serviço para pedir aposentadoria. As informações ficarão arquivadas na ficha informatizada do trabalhador, o que agilizará o processo e problemas de perdas do comprovante de trabalho ao longo da vida.

Fase de Testes

A nova carteira de trabalho já está sendo testada por 1,9 milhões de trabalhadores do Distrito Federal e a expectativa do Ministério do Trabalho é que, em 2010, comece a emissão do documento para outros Estados.

Existe também um acordo para que países do Mercosul (formado por Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai, futuramente, a Venezuela) reconheçam a carteira digital como documento oficial.

As novas carteiras serão distribuídas gratuitamente

Essa notícia foi publicada no portal Administradores, em 04/01/10.

Comentários