Cinco ações imediatas para redução de custos em RH

Data 01/04/2016

A área de Desenvolvimento Humano (DH) é de extrema importância dentro de uma empresa. Ela está ali para ouvir os funcionários, provê-los de suas necessidades e deixá-los satisfeitos. Este processo, claro, redunda em melhor produtividade e engajamento.

Engajamento este não apenas do DH para fora, mas internamente. Se você possui campanhas de incentivo e ferramentas que mantém os colaboradores do setor sempre alinhados aos objetivos da empresa é mais fácil trabalhar e equilibrar os custos com pessoal.

Seguem, abaixo, cinco ações imediatas para a redução de custos em RH:

1. Pedir auxílio aos funcionários:

Antes de realizar qualquer ajuste nas políticas e condutas de DH na sua empresa, uma boa dica é realizar um comitê e pedir a opinião dos colaboradores. Como a redução de custos poderá afetar diretamente a eles, sua participação no processo é essencial.

Ao ouvir a opinião dos colaboradores além de se ter um maior proveito das ações pretendidas, pois eles, pela prática e vivência da área, têm plena ciência de onde será possível realocar recurso, você estará reforçando o sentimento de pertencimento nos colaboradores.

2. Automatizar processos:

Automatizar processos manuais pode reduzir muitos custos. Disponibilizar um portal para os funcionários pode auxiliar a simplificar processos relacionados a pagamentos de férias, reembolsos, formulários de impostos e reclamações. Além disso, digitalizar documentos, como o manual dos funcionários, pode eliminar custos de cópias.

Outra dica é verificar se a intranet da sua empresa atende às necessidades do negócio e de comunicação de seus colaboradores. 

3. Otimize o tempo de seus colaboradores:

Segundo aponta o especialista Márcio Lavelberg em artigo publicado no portal Exame, é preciso eliminar todas as horas extras desnecessárias. Além disso, reuniões só devem acontecer quando forem realmente necessárias e devem ter hora certa para começar e para acabar. Quanto mais rápidas e eficientes, melhor.

Além disso, é preciso pensar que o tempo perdido em reuniões desnecessárias não só impacta na produtividade e nos custos da empresa, mas também na motivação dos colaboradores.  

4. Se precisar demitir, demita:

Acompanhe de perto a produtividade dos seus funcionários e identifique quem não está entregando os resultados esperados. Fique sempre atento aos talentos disponíveis no mercado, e, se precisar substituir, o faça – lembrando que, primeiramente, você deve pensar em substituir e relocar a equipe internamente.

5. Melhore os seus treinamentos:

Treinamentos são fundamentais para reduzir custos em DH. Seus funcionários devem ser bem treinados principalmente para a satisfação do cliente, já que isso é importantíssimo para sua performance e faturamento. Além disso, você precisa ter pessoas treinadas para substituírem outras em caso de férias ou doença.

Essas dicas foram publicadas no site Cultura Colaborativa, em 11 de janeiro de 2016.

É preciso ter um parceiro para apoiar a área de recursos humanos da sua empresa! A LG lugar de gente conta com a suíte Gen.te, uma solução completa e integrada de tecnologia para gestão de pessoas. Com ela, você terá sistemas flexíveis, integrais e inteligentes, capazes de se de adequar às diversas necessidades, além de trazer benefícios a favor da competitividade do seu negócio. 

Quer saber mais? Entre em contato com a LG!

Notícias relacionadas: 

O RH como agente de inovação

Sete erros de RH das novas empresas

RH ganha peso nas decisões de negócio

O que falta para o RH trabalhar de forma mais estratégica

 

Comentários