fbpx

4 competências fundamentais para a TI apoiar os negócios

Data 23/10/2017
TI apoiar os negócios

Em tempos de transformação digital, o dia a dia das companhias é modificado e acelerado por novas ferramentas que promovem a inovação, o engajamento, a otimização dos processos e o aumento da produtividade. Para conseguir lidar com esse cenário, as empresas precisam de profissionais de tecnologia preparados para a nova realidade. Mas, afinal, quais são as competências necessárias para um gestor de TI apoiar os negócios? Que tipo de habilidades precisam ser desenvolvidas em profissionais dessa área?

Diogo Martins, Diretor de TI da Algar S. A.

Para comemorar o dia do profissional de Tecnologia da Informação (19/10) e verificar os desafios da área, a LG lugar de gente conversou com diversos especialistas e reuniu todas as experiências no ebook: “Previsões e desafios do setor de TI”. Entre os participantes, está Diogo Martins, Diretor de TI da Algar S. A., que além de compartilhar sua história, listou quais são as habilidades necessárias para que um líder de TI contribua com os resultados da empresa. Confira!

Ao longo dos 18 anos de carreira, Diogo viu sua profissão passar por muitas mudanças, que a fizeram adquirir um papel ainda mais relevante nas organizações. “Acredito que uma transformação importante foi observar como a tecnologia deixou de ser uma área de suporte para fazer parte fundamental da estratégia de grandes companhias e, em alguns casos, se tornar o próprio negócio”, comenta o diretor.

Diante desse novo papel, aumenta a relevância da área

“O mundo tem se tornado cada vez mais digital e a área de tecnologia da informação tem papel fundamental nesta transformação. Os negócios estão cada vez mais conectados e precisam se tornar eficientes e competitivos e não há como fazê-lo sem que a TI tenha participação efetiva nesse processo. Isso faz com que o setor ocupe um lugar de destaque com representatividade no board das organizações, influenciando diretamente suas estratégias”, ressalta.

TI apoiar os negócios

Para conseguir que a área atinja seus objetivos, Diogo considera fundamental que os líderes invistam em sua própria formação, bem como de suas equipes. Por isso, ele lista 4 habilidades essenciais para a liderança de TI. Confira quais são elas:

1- Conhecimento do negócio

Segundo o diretor, a TI muitas vezes traz em suas soluções a materialização das necessidades da empresa, logo não é possível concretizar algo que não se conhece. “É preciso investir tempo e esforço para compreender o mercado de atuação, sua companhia, seus processos, práticas e como elas impactam a vida de seus clientes”, aponta Diogo.

2- Perfil inovador

Diogo destaque que a liderança precisa estar atenta ao que está sendo lançado no mercado e como estas soluções podem contribuir para o desenvolvimento e evolução do negócio em que atua.

3- Capacidade de Comunicação

Ele comenta que a TI deve garantir o alinhamento entre as necessidades da empresa e o que está sendo trabalhado pela área. “É importante também ‘vender’ os ‘frutos’ do trabalho da equipe. Ou seja, mais do que ‘carregar’ o piano, é preciso saber tocá-lo”, pontua.

4- Capacidade de execução

Diogo cita um ditado que diz “prometeu, cumpra!”. Para ele, essa expressão representa bem o dia a dia de quem lidera de tecnologia, especialmente por lidar com demandas de todas as demais áreas da organização. “Portanto, para TI apoiar os negócios é preciso garantir a execução dos acordos feitos com as áreas internas e com os clientes, pois isso nos credencia a continuar com a estratégia”, finaliza o diretor.

Quer saber mais sobre os desafios que estão movimentando a área de TI? Não deixe de ler o ebook: “Previsões e desafios do setor de TI”.

Compartilhe:
Comentários