Empresas buscam candidatos entre os próprios funcionários

Data 22/07/2013

Encontrar profissionais dentro da própria empresa para preencher vagas abertas é uma das tendências na área de gestão de pessoas no Brasil. O dado faz parte de uma pesquisa divulgada nesta sexta-feira (19) pelo LinkedIn, rede social profissional.

Segundo o estudo, 90% das companhias estão investindo para que os empregados possam assumir outros cargos. Entre as vantagens apontadas pelos participantes estão a retenção dos melhores talentos, o desenvolvimento profissional, aumento da produtividade e a economia de custos.

O levantamento, que foi feito com 3.000 profissionais de recursos humanos em 19 países, apontou também que fortalecer a "marca de empregador" faz parte da preocupação dos recrutadores. No país, 92% dos entrevistados responderam que o investimento para melhorar a imagem de boa empregadora aumentou. A média mundial é a mesma dos brasileiros.

Na disputa de talentos entre as empresas, a segunda maior preocupação dos profissionais de RH (84%) é quanto os concorrentes estão gastando para valorizar a imagem. O que mais incomoda na "guerra de talentos" são as políticas de retenção de funcionários nas demais empresas.

Ainda de acordo com informações divulgadas, 87% das corporações não investem no recrutamento de candidatos por meio de dispositivos móveis. Os sites profissionais on-line para encontrar talentos foram considerados por 66% dos recrutadores como umas das maneiras mais eficientes para encontrar candidatos.

O reconhecimento público por prêmios (60%) e mídias sociais como Facebook (51%) também foram citados como canais para encontrar pessoas.



*Essa notícia foi publicada no site Folha de São Paulo, em 19/07/2013

Compartilhe:

Comentários