Gestão de talentos: como demonstrar resultados e não apenas esforços e intenções

Data 27/06/2016

Não é de hoje que a área de RH vem sendo desafiada a demonstrar como efetivamente agrega valor aos negócios. Métricas como homem / hora / treinamento, notas das avaliações de desempenho e reação estão cada vez mais sendo questionadas e percebidas como indicadores de custo e esforço e não de resultado. Pensando nesse cenário, a LG lugar de gente e a w3net, em parceria com a Associação Paulista de Recursos Humanos e Gestores de Pessoas (AAPSA), promoveram um fórum sobre o tema gestão de talentos no dia 16 de junho, em São Paulo (SP).

Estiveram presentes no evento mais de 60 profissionais de grandes organizações. A programação contou com palestras de Regina Camargo, Sócia-Diretora da Across, uma empresa especializada em serviços para gestão de pessoas, e Leonardo Avelar, Consultor da w3net, líder no fornecimento de sistemas de gestão de capital humano.

Gestão de talentos: de quem é a responsabilidade?

Para Leonardo Avelar, os líderes de RH e os gestores são os grandes agentes de mudança que irão gerar os resultados esperados pela organização. Ele reforça ainda que a gestão de talentos é uma das principais necessidades das organizações atualmente. “Em tempos de crise, como o cenário atual, gerir talentos (fazer cortes corretos, reter os talentos e fazer mais com menos) é uma das prioridades para a alta direção das empresas, pois ela irá garantir a sustentabilidade do negócio”, destaca o consultor.

Notícias relacionadas:

Gestão de Talentos como estratégia de negócio

Gestão de talentos é tema de debate em Goiânia

5 ações motivadoras na Gestão de Talentos

Compartilhe:

Comentários