Netshoes leva prática de esporte para dentro do ambiente corporativo

Data 24/07/2014

A Gerente de RH da Netshoes, Luciana Machado, apresenta o programa de qualidade de vida desenvolvido dentro da empresa “Viva o Esporte”. Desde o início do ano, o projeto leva a conexão com o esporte, que é o DNA do negócio da Netshoes, para dentro do ambiente corporativo. Veja a entrevista completa e entenda como o programa funciona.

LG lugar de gente: Quando começou esse projeto?

Luciana Machado:
A plataforma de trabalho da Netshoes é baseada no Sportainment, ou seja, a conexão com o esporte. Em 2013, lançamos um programa chamado “Jeito de Ser Netshoes” baseado na gestão por competências, sendo que dentre elas a conexão com o esporte é uma das competências essenciais. Desse jeito de ser, nós começamos a nos perguntar o que poderíamos fazer para trazer efetivamente o esporte para o dia a dia do nosso colaborador.

Assim, nasceu no início deste ano o programa “Viva o Esporte”. Inicialmente nós realizamos uma semana dedicada ao tema dentro empresa. Durante esse período, trouxemos grandes nomes de esportes multiperformance e olímpicos, alguns técnicos e diversos esportistas renomados que inspiraram nosso público interno.

LG lugar de gente: De que forma o programa “Viva o Esporte” funciona?


Luciana Machado:
O programa é basicamente fundamentado em quatro pilares. O primeiro é o “Netshoes na medida”, em que quatro funcionários da empresa foram convidados a mudar suas vidas e inspirar o restante dos nossos 2 mil funcionários através da transformação do esporte. Esses quatro funcionários foram levados ao Instituto do Atleta (InA), em São Paulo (SP), onde  fizeram vários exames e receberam orientação de fisioterapeutas e nutricionistas. Sendo que, cada participante recebeu uma cor que representa os quatro times da empresa.

O segundo pilar é o QT5 criado com base na ideia de qualidade no trabalho em cinco minutos. Através dele, a ginástica laboral tradicional foi modificada para exercícios funcionais feitos no próprio ambiente de trabalho. Os circuitos foram montados por educadores físicos que mapearam as necessidades de cada cargo.

Já o terceiro pilar, é uma consultoria esportiva na qual os colaboradores passam a fazer treinos personalizados dentro da própria organização com instrutores de diversas modalidades esportivas. O último pilar é o grupo multiperformance realizado duas vezes por semana. Nessa atividade, o educador físico trabalha o esporte em grupo. Então, após o expediente, os colaboradores se reúnem, nos pátios da empresa, em várias equipes que desejam praticar um mesmo esporte.

LG lugar de gente: A prática do esporte é um requisito para os candidatos que querem entrar na Netshoes?

Luciana Machado: Nós sempre buscamos pessoas que tenham valores compatíveis com o DNA da empresa. Então, contratar pessoas que tenham a conexão com o esporte, faz parte da nossa premissa de recrutamento e seleção. Ao serem contratados esses colaboradores passam por um processo de integração que varia de uma semana até 22 dias.

Durante esse período, nós mostramos para eles como a Netshoes traduz os seus valores em atitudes e os inserimos nesse game. Então, o novo funcionário já entra inserido nesse universo, passa a fazer parte de uma das equipes e vai aderindo aos pilares do programa.

LG lugar de gente: Qual o papel da gestão de pessoas na Netshoes?

Luciana Machado: O RH tem um papel fundamental na empresa. Primeiramente porque o mercado de E-commerce é um negócio novo. Além disso, a companhia é pioneira nesse segmento e é preciso selecionar corretamente. Então, encontrar mão de obra para uma organização com valores tão fortes como os da Netshoes é um grande desafio. Para fomentar a sustentabilidade da empresa, é preciso fazer um trabalho de desenvolvimento em cima dessas pessoas já que quase não temos mão de obra qualificada no mercado para esse segmento.

Nós temos que crescer e dar conta desse crescimento todo. Então, o desenvolvimento acaba sendo uma frente de negócio extremamente importante. Para isso, trabalhamos com e-learning, mentoring, coaching e uma universidade corporativa. É impossível pensar em todo esse crescimento, na produtividade da empresa e na sustentabilidade do negócio, sem que a se pense efetivamente em um bom plano de gestão de pessoas. Nesse sentido, a empresa patrocina todas as ações de recursos humanos, assim como a comunicação interna também tem um papel importantíssimo dentro da companhia.


Netshoes leva prática de esporte para dentro do ambiente corporativoEspecialista em gestão de pessoas, processos e estratégias, Luciana Machado é membro da Sociedade Brasileira de Coaching, tendo atuado por mais de 10 anos em projetos corporativos de gestão e desenvolvimento organizacional. Possui experiência em consultoria de grandes empresas como Fiesp e FIPE, e já esteve à frente do RH Corporativo de empresas nacionais e multinacionais. Desde 2010, atua à frente do RH da Netshoes para a América Latina, que em 2011, por duas oportunidades, conquistou o selo de “150 Melhores Empresas para se Trabalhar no Brasil”.

 

Compartilhe:

Comentários