Os dez empregos mais estressantes de 2012

Data 19/12/2012

Você acha que o seu trabalho acaba com a sua sanidade? Talvez existam pessoas em situações piores que você. De acordo com rankinkg elaborado pela consultoria de trabalho norte-americana CarrerCast, que lista os dez trabalhos mais estressantes de 2012, o topo da lista fica para os soldados. Em seguida, ocupando os 2º e 3º lugar, respectivamente, encontram-se os bombeiros e os pilotos de avião.

 O informe destaca também que, de acordo com um estudo recente da Associação Americana de Psicologia, mais de um terço dos trabalhadores se sentem tensos ou estressados durante o dia de trabalho. Além disso, quando pedidos para classificarem seu nível de estresse de 1 a 10, 20% dos funcionários responde com uma pontuação acima de oito.

Para a especialista em estresse Karen Sothers, existe uma diferença entre os trabalhadores do mercado de trabalho atual e os funcionários de antigamente. “Nós podemos viver, mental e emocionalmente, mantendo um estado permanente de excitação no sistema nervoso”, pontuou.

Confira a lista com os 10 trabalhos mais estressantes de 2012:

1. Soldados
2. Bombeiros
3. Pilotos de avião
4. Militares
5. Policiais
6. Coordenadores de eventos
7. Executivos de Relações Públicas
8. Executivos corporativos
9. Foto-jornalistas
10. Motoristas de táxi

Além disso, a CareerCast também elaborou uma lista com os trabalhos menos estressantes, entre os quais aparecem joalheiros, técnicos de laboratórios médicos, cabeleireiros, costureiros, especialistas em audiologia, eletricistas, nutricionistas e montadores de equipamentos eletrônicos e maquinário.


*Essa notícia foi publicada no site Universia, em 14/12/2012