Trabalho em equipe

Data 29/06/2009

 

Esse é outro ponto importante no primeiro dia de emprego. Muitos funcionários com mais tempo de casa se preocupam em mostrar domínio total do trabalho logo de início, temendo que possíveis perguntas ou dúvidas do novato que fiquem sem respostas representem falta de capacitação ou comprometimento profissional. O ideal, segundo Rosimeire, é que eles sejam o mais natural possível, sem excessos. "Se faz parte do perfil dele ser prestativo, assim deve ser", diz. Agir além do necessário pode criar muitas expectativas nos superiores e "até mesmo uma imagem ruim aos colegas que poderão não entender sua postura", completa. 

A regra fundamental é simples, na teoria. Mas nem tanto na prática: paciência e baixa ansiedade. A aprovação pela equipe e os conhecimentos iniciais almejados virão com o tempo. "Tive paciência e aos poucos fui conhecendo mais a empresa, suas normas, as pessoas, como elas se relacionavam umas com as outras, com seus superiores, clientes", analisa Rosimeire, que aos poucos se adaptou com mais facilidade à nova situação. 

Para as empresas, dicas para receber bem seus novos funcionários…

  • Preparar o ambiente de trabalho, orientando a equipe a dar boas-vindas e a recebê-los bem, organizando eventos de integração como palestras e encontros;
  • Apresentá-los para as principais áreas com as quais ele terá contato direto e, posteriormente, às demais áreas da empresa;
  • Não fazer comentários negativos sobre a companhia, os colegas, estrutura física, uma vez que isso pode causar má impressão;
  • Caso o gestor seja um funcionário antigo, ele deve se lembrar de que ainda assim não é o dono da verdade;
  • Fazer do ambiente um clima agradável, a regra da boa educação vale para todos;
 
Fonte: Canal RH