fbpx

Tecnologia para RH: o que sua empresa deve avaliar antes de adquirir?

Data 31/10/2017
tecnologia para RH

Você pensa em adquirir ferramentas para potencializar os resultados do seu RH? Automação de processos, people analytics, mapeamento de competências dos colaboradores, games no desenvolvimento de talentos e recrutamento digital, são alguns exemplos de como a tecnologia para RH vem ajudando a otimizar o trabalho de gestão de pessoas dentro das empresas.

tecnologia para RH

Mas o que avaliar antes de adquirir uma nova ferramenta? Para falar sobre o assunto, conversamos com Marcello Porto, Diretor de Produtos da LG lugar de gente. Segundo ele, as empresas devem analisar quatro aspectos antes de fazerem uma nova aquisição. São eles:

1- Nível de maturidade do RH

O Diretor afirma que deve ser feita uma análise do departamento de recursos humanos. “Precisamos montar a pirâmide de Maslow do RH e verificar como estão todas as etapas, da base ao topo. Por exemplo, a empresa consegue processar a folha de pagamento e recolher seus impostos corretamente? Se toda essa parte de compliance não estiver ok, não adianta investir em ferramentas de análise, desenvolvimento de talentos e avaliação de competências, que estão em um nível mais acima na pirâmide”, comenta.

2- Necessidade do negócio

Para Marcello, a estratégia da empresa também deve ser analisada antes de investir em tecnologia para RH. “Se a companhia estiver em expansão, por exemplo, seria interessante uma ferramenta de recrutamento e seleção que proporcione agilidade e maior assertividade no processo. Mas, se a conjuntura exige corte de gastos e demissão de funcionários, uma solução que avalie a performance e que permita ao RH identificar os talentos que devem ficar, seria a melhor opção”, afirma.

3- Opções de mercado

Segundo ele, após avaliar o nível de maturidade da empresa e a necessidade do negócio, é o momento de analisar as ferramentas ofertadas pelo mercado: “O que existe de tecnologia disponível que pode ajudar o seu RH a superar os desafios?”. Nessa etapa, o Diretor também acredita que é importante verificar se as novas soluções fazem ou não integração com os demais sistemas que a organização trabalha.

4- Referências

Marcello aponta que a busca pelo que o mercado fala sobre os fornecedores e ferramentas também é fundamental. “A área de tecnologia para RH é baseada em referências. É importante verificar com as empresas do mesmo segmento que já utilizam as soluções como é a experiência delas”, destaca.

Para auxiliar as companhias a escolherem um parceiro que ofereça as soluções e o apoio necessário para que o RH seja cada vez mais assertivo em suas ações, a Editora Segmento realiza, desde 2008, a premiação “Fornecedores de Confiança”. A pesquisa avalia o grau de confiabilidade e indicação de clientes em relação às empresas que fornecem produtos e serviços para a área de gestão de pessoas. Saiba mais clicando aqui!

Está fazendo sua análise? Então não deixe de conhecer a Suíte Gen.te nuvem da LG lugar de gente. Com ela você terá uma solução completa e integrada de tecnologia para RH que oferece redução de riscos, economia, mobilidade e muito mais. Clique aqui e confira!

Compartilhe:
Comentários