Treinamento com games pode aproximar empresa e colaborador

Data 05/05/2020
treinamento com games

Com o avanço da pandemia de covid-19, a tecnologia, em especial o treinamento com games, consolidou-se como um suporte necessário em meio à crise para garantir o futuro do negócio.

treinamento com games

Diante do elevado grau de incerteza quanto à retomada de qualquer tipo de normalidade, recorrer a essas ferramentas se mostra como uma saída. Fazendo, assim,  com que o quadro da empresa siga se aprimorando com bons resultados, mas sem se descuidar da proteção necessária.

Na verdade, com os colaboradores trabalhando de suas casas em ambientes menos controlados do que o espaço físico das organizações, aplicar o treinamento com games pode ajudar a criar a atmosfera adequada ao aprendizado ainda que de forma fluida.

É o que a Gerente de LMS, Conteúdos e Games na LG lugar de gente, Eliane Dilinski, ressalta. “Como ninguém sabe por quanto tempo enfrentaremos essa crise do novo coronavírus, torna-se fundamental que todos os RHs das empresas repensem como manter seus funcionários em segurança e em constante evolução através dos objetos de aprendizagem virtuais, games e simuladores”, afirma.

A normalidade no treinamento com games

Se antes o uso dessas tecnologias podia parecer até certo ponto fora do comum, as mudanças drásticas impostas pela pandemia fizeram com que recorrer a essas soluções se tornasse a nova normalidade.

Mais do que isso, é através dessas aplicações que as grandes companhias estão conseguindo maior proximidade com seus colaboradores, a despeito da distância física, e a manutenção dos fluxos normais de trabalho.

treinamento com games
Anderson Okuno, Gerente de Experiência do Usuário, Design e Desenvolvimento de Games na LG lugar de gente

Seguindo esse raciocínio, o Gerente de Experiência do Usuário, Design e Desenvolvimento de Games na LG lugar de gente, Anderson Okuno, reforça que as estratégias de treinamento corporativo sempre foram pilares importantes para a entrega dos resultados das empresas.

Sendo assim, recorrer ao treinamento com games e outras tecnologias associadas está diretamente relacionado ao desempenho do negócio.

“Muitas empresas, que utilizavam apenas o meio presencial para capacitar as pessoas, estão sendo desafiadas a pensar rapidamente nos ajustes de sua estratégia e metodologia de desenvolvimento, passando a considerar métodos virtuais de aprendizagem para manter a oferta de seus treinamentos essenciais e atingir o maior número de colaboradores com eficiência”, pontua.

Desafio e oportunidade de evolução

O desafio apontado por Anderson de fato não é pequeno, afinal a covid-19 é uma pandemia sem precedentes. No mesmo sentido, Eliane Dilinski ressalta a pressão que tem cercado pessoas e empresas, em especial a área de Recursos Humanos e tecnologia.

“Temos visto os RHs e áreas de TI de todas as empresas sendo fortemente impactados para agilizarem soluções para colocar seus funcionários, sempre que possível, em trabalhos home office, para ajudar a diminuir muitas das preocupações que vêm com o fechamento de escritórios e continuidade dos negócios”, reconhece a especialista.

treinamento com games
Eliane Dilinski, Gerente de LMS, Conteúdos e Games na LG lugar de gente

Mesmo assim, ela aponta que aquelas corporações mais abertas aos avanços tecnológicos foram capazes de sair na frente. Segundo Eliane, as organizações que já utilizavam plataformas de aprendizagem on-line tiveram um pouco mais de facilidade em relação ao contato com seus funcionários.

“Elas conseguem oferecer e reforçar esse importante meio de capacitação, mantendo os funcionários atualizados e informados sobre qualquer mudança nos negócios. Comunicação frequente torna-se cada vez mais relevante em momentos de crise”, afirma.

Nesse cenário, o Vice-Presidente da LG lugar de gente, Felipe Azevedo, exemplifica a relevância de recorrer ao treinamento com games através de algumas das aplicações desenvolvidas pela empresa.

“Com os Assessment Games e Games para Certificação é possível avaliar competências técnicas e/ou comportamentais, o perfil dos colaboradores ou certificá-los a respeito de algum conteúdo. Há ainda a possibilidade de apresentação dos resultados através de analytics, em que o cliente poderá cruzar esses resultados do game com outros indicadores, como financeiros, de qualidade ou qualquer um definido pelo cliente para uma excelente avaliação dos colaboradores e de custo/benefício”, esclarece.

treinamento com games
Felipe Azevedo, Vice-Presidente na LG lugar de gente

Além das cada vez mais tradicionais plataformas de LMS, como o Gen.te Aprende – Treinamento e LMS, e do uso de aplicações para e-learning gamificado, Felipe reforça que cada grande desafio faz surgir oportunidades igualmente relevantes.

Para ele, a mudança abrupta para uma abordagem de treinamento com games e on-line como estratégia de capacitação pode ser crucial.

“É uma experiência bastante significativa para que os funcionários se adaptem a esse novo momento cada vez mais digital, otimizem tempo e deslocamento e tenham alta performance. Por esse motivo, o investimento nesse modelo é de suma importância nas estratégias de desenvolvimento. Acredito que, possivelmente, elas terão um impulso ainda maior, num movimento de remodelagem para todo o segmento de educação”, completa.

Quer saber mais como sua empresa pode se aproveitar do treinamento com games e outras ferramentas de capacitação para manter a proximidade com seus colaboradores em meio à covid-19? Clique aqui e conheça nossos games corporativos.